09/08/2016

2016, o ano da recuperação

Após a tempestade, vem a bonança. Esse é a máxima que pode ser aplicada ao cenário econômico brasileiro hoje. Em recuperação da grave crise política que tomou conta dos notíciarios entre os anos de 2015 e primeiro semestre de 2016, o país mostra dar sinais de reação. Buscando movimentar a economia, bancos estão apostando em financiamentos mais facilitados, o que benefecia quem ainda não comprou seu imóvel.

 

Após resultados negativos no mercado imobiliário, a Caixa Econômica anunciou melhores condições de pagamento. O percentual de valor financiável subiu de 60% para 80% no caso de imóveis novos. É mais uma boa notícia do mercado. Um levantamento realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) realizado no mês de junho mostra que a atividade da construção civil melhorou. O índice foi de 41,2, enquanto no mês de maio era de 40,1. Quanto mais o número se aproxima de 50, menor é a retração do setor.

 

As notícias apontam que o momento de investir é agora. Segundo análise realizada pelo economista especializado em imóveis Márcio Fenelon, esperar demais para comprar pode ser prejudicial a médio prazo. “o potencial comprador que preferir esperar pode ter que pagar de 8% a 24% a mais por um imóvel em 2017. Já aquele que tomar uma decisão de comprar um imóvel hoje, tanto para investimento como para uso próprio, na pior das hipóteses, economizaria 8% e, na melhor, 24%”, explicou.

 

A Construtora Baptista Leal segue e promete novidades para 2017 voltada para os segmentos de classe média e Minha Casa Minha Vida. Saiba mais sobre nossos produtos, porque a oportunidade é agora!

 

Fontes: iG e Jornal do Commercio