14/08/2017

O que é Minha Casa Minha Vida?

O que você precisa saber sobre este importante programa

 

Desde 2009, o cenário habitacional do Brasil vem mudando. Conjuntos residenciais de grande porte surgem em diversos bairros, com mensais que cabem no bolso. Foi naquele ano que começou o programa federal Minha Casa Minha Vida, voltado para o financiamento popular de residências.

Nestes 8 anos, o Governo Federal estima que 1000 casas foram entregues POR DIA. É muita gente! Com certeza eles tiveram muitas dúvidas antes de fechar negócio, como você deve estar neste momento. Sobram perguntas sobre coisas como valores, subsídios e formas de pagamento, não é mesmo? Vamos te ajudar com o principal que você precisa saber. Confira!

O QUE É O MCMV?

É uma linha de crédito do Governo Federal que oferece condições atrativas para o financiamento de moradias nas áreas urbanas para famílias de baixa e média renda. O programa é dividido em faixas, de acordo com cada renda:

  • Faixa 1,5 – até R$ 2,6mil mensais;
  • Faixa 2 – até R$ 4mil mensais;
  • Faixa 3 – até R$6,5 mil mensais (Recife).

 QUEM PODE SE ENQUADRAR NO MCMV?

Famílias com renda mensal de até R$ 6,5 mil reais, com o nome “limpo” no SPC/Serasa, sem restrições de crédito. Também não pode ter nenhum imóvel ou financiamento imobiliário no nome do interessado.

 

ATENÇÃO! Rendas familiares acima de 6,5mil reais poderão sim adquirir apartamento no Torres do Capibaribe e Villa Caxangá, porém não terão os benefícios que MCMV oferece.

O QUE É SUBSÍDIO?

É um valor que o governo dá para pessoas com baixa renda e que é usado para diminuir o valor financiado. Esse valor não é o mesmo para todos: depende da renda familiar. Ele não pode ser usado como entrada. Serve para abater o valor total do financiamento.

QUANTO PAGO DE PARCELA?

Pensando em não comprometer as contas da família, o governo determinou que o valor da parcela no Minha Casa Minha Vida não pode passar dos 30% da renda mensal.

POSSO USAR MEU FGTS?

Deve! O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço ajuda bastante na hora de comprar um imóvel. Os descontos ampliam a capacidade de pagamento do cliente, com redução do valor das prestações e a quitação de parte do valor de compra. Mas atenção! Você não pode estar comprando nenhum outro imóvel, em qualquer parte do país. Senão nada de benefícios…

AUTÔNOMOS PODEM FINANCIAR UM APÊ?

Não é porque você não tem carteira assinada que deve desistir do sonho da casa própria. Muitos profissionais liberais (advogados, arquitetos, decoradores) e profissionais que são MEI (Microempreendedor Individual) podem ter direito. É possível comprovar a renda de diversas formas:

  • Extrato bancário;
  • Fatura cartão de crédito;
  • Recibos de pagamentos;
  • Contrato de prestação de serviço com o cliente;

Entre outras formas, que podem ser conseguidas com a ajuda da construtora e de um corretor especializado.

QUER SABER MAIS?

A Construtora Baptista Leal pode te ajudar. Fale conosco e tire todas as suas dúvidas: (81) 3226-3856.

FONTES: http://www.brasil.gov.br/infraestrutura/minha-casa-minha-vida